TABU DO HOMOSSEXUALISMO

Ir em baixo

TABU DO HOMOSSEXUALISMO

Mensagem por Alanys e Maria em Qui Out 01, 2015 7:59 am

Davi era um menino diferente, vestia-se diferente e pensava diferente. Sua mãe, uma senhora de meia idade de cabelos louros, dona de uma voz estridente e irritante, era intolerante à sexualidade do filho, acreditava que aquilo era uma opção ou uma fase. Levava-o para a igreja OD onde o pastor Benício pregava sobre a "cura gay", que Deus havia criado o homem para a mulher e que o homossexualismo era errado, ou seja, que ser assim era um problema. Ele se sentia rejeitado, isolado no seu próprio mundo.
Depois de meses frequentando a igreja com muita incompreensão e críticas, Davi finalmente entrou em depressão, sentia-se um fracassado, uma anomalia na sociedade, tinha medo de escolher coisas simples pois todos diziam que ele não soube decidir a própria sexualidade, era inseguro em relação à si, temia andar nas ruas, pois sempre sentia olhos zombeteiros cravados em suas costas. Zombavam de seu cabelo arrumado, de sua roupa engomada. Pois seu cabelo estava errado, sua roupa estava errada, seu jeito de andar estava errado, ser ele mesmo estava errado perante à sociedade.
Então lá estava ele, sentado no banco de uma praça, olhando as crianças brincarem, ele gostava de assisti-las se divertindo, crianças são inocentes, não veem maldade nas coisas, elas não o olhavam atravessado. Certo dia, uma menininha chamada Julie, que brincava por ali frequentemente, estava jogando bola com seu irmão e sem querer acertou-a em Davi, rapidamente seu irmão chamou a atenção dela, e de Davi também, mas em outro sentido. Ele era de uma altura mediana, de ombros largos e um cabelo liso castanho claro, Davi percebeu que ele tinha os dentes da frente separados quando ele gritou desculpas. Davi os observou jogando por um tempo, mas logo passou a se entreter com a crianças no playground. Levou um susto quando o irmão de Julie, Thomas, se sentou ao seu lado no banco, ele pediu novamente desculpas, Davi respondeu que estava tudo bem, então passaram a conversar e se conhecer. Descobriram que tinham muito em comum, ambos gostavam da mesma banda de rock Avenged Sevengold, detestavam abacate porém tinham uma paixão por guacamole, a cultura mexicana era a melhor! Conversaram e conversaram, e descobriram uma outra coisa em comum, a homossexualidade.
Os dois já tinham ficado com algumas meninas, mas nada que se comparasse com a ligação entre ambos. Agora não importava mais o que os outros diziam, agora Davi entendia que não há problemas em ser diferente, imagine que terrível mundo tedioso seria se todos fossem iguais. Se todos preferissem azul, o que seria do amarelo? Davi entendeu que não precisa-se de rótulos para ser feliz, seja você mesmo, e foi o que fez, ele foi ele mesmo sem medo de ser feliz.
Thomas passou a frequentar sua casa, passaram a ter mais intimidade e relações sexuais. Eles tinham um relacionamento saudável, mas a mãe de Davi os pegou juntos, ela ficou escandalizada, não aceitava aquilo, era um absurdo a seu ver, e expulsou-o de casa. Todos aqueles sentimentos de fracasso e exclusão voltaram à tona. Davi estava sem rumo, não tinha onde se esconder, então Thomas o acolheu, mas Davi tinha receio, não conhecia seus pais, não sabia o que pensariam, nem sequer sabia se Thomas havia comentado sobre ele, sobre os dois. Mas as opções eram escassas, acabou aceitando, e se surpreendeu com a reação dos pais de Thomas, fora super bem recebido, disseram que era gratificante acolhê-lo e poder dar um rosto ao nome que Thomas tanto falava, eles defendiam o amor, independente como fosse.
Ao passar algumas anos, eles casaram, tiveram sua casa própria e seu carro novo, adotaram uma menina que se chamava Alice e um menino que se chamava Eduardo, sua mãe que não os aceitavam ficou sozinha, passou aceitar a decisão do filho. Começou a correr atrás, mas Davi estava inseguro de acreditar nela, porém Thomas acreditava em sua mudança de pensamento. Sua mãe então adoce e fica internada na UTI, onde descobriu que estava com câncer no pulmão e não teria muito tempo de vida. Davi então resolveu ir visita-la e a desculpou, quando ele saiu de lá sua mãe teve uma parada respiratória e faleceu.


Última edição por Alanys e Maria em Qua Out 07, 2015 10:49 pm, editado 2 vez(es)

Alanys e Maria

Mensagens : 4
Data de inscrição : 24/09/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TABU DO HOMOSSEXUALISMO

Mensagem por Thiers em Qui Out 01, 2015 8:40 am

Gosto do rumo que isso tá tomando. O tema é ótimo, rico, polêmico e cheio de tapas na cara da sociedade. Vocês podem se aproveitar disso. Como? Ora...

Sua mãe, mulher com tal e tal característica, não o aceitava.

Inventem um nome pra essa igreja. Deem uma cara a ela, uma face, uma boca, um ícone. Podem se basear em algum líder religioso conhecido. A literatura tá repleta de caricaturas pra construção de críticas.

... Quase me esqueci de mencionar o próprio Davi como digno de receber suas definições. Caramba. Enfim... Como ele é? Além da sexualidade dele, que mais vocês podem dizer sobre o nosso herói?

_________________
Acadêmico do 3º ano de Letras da Univille 2014/1
Pibidiano desde 2015
avatar
Thiers

Mensagens : 44
Data de inscrição : 21/08/2015
Idade : 26

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TABU DO HOMOSSEXUALISMO

Mensagem por Thiers em Sex Out 30, 2015 8:48 am

Ok, eu não tinha visto essa versão final. Que bom que vocês falaram comigo, meninas.

A parte adjetiva ficou linda. Sério mesmo. Eu realmente li uma narrativa realista, inclusive nos sentidos e obstáculos que o rapaz teve de enfrentar. Pooooorém... Acaba um tantinho romântico. Bem pouquinho mesmo. É como diz uma música...

Impeça alguém de me acordar
Realidade é melhor sonhar

Só posso dizer uma coisa: parabéns pelo trabalho. Tô de cara. Só faltou mesmo a foto.

_________________
Acadêmico do 3º ano de Letras da Univille 2014/1
Pibidiano desde 2015
avatar
Thiers

Mensagens : 44
Data de inscrição : 21/08/2015
Idade : 26

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TABU DO HOMOSSEXUALISMO

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum